domingo, 17 de abril de 2011

Uma saudade dos mil anos que passamos, ou das semanas, poucos e muitos meses. A loucura de gostar tanto pra tão pouco ou simplesmente a loucura de tanto acabar assim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário